Man signing document with gavel and justice scale

Consultoria Jurídica

Advogados para defesa do seu direito em Juízo

A defesa do seu direito constitucional/legal

Nos dias modernos atuais a defesa do seu direito legal na justiça trabalhista, cível ou penal é coisa que acompanha todos os nossso passos, visto que em todos os lugares nossos direitos estão sendo diminuídos ou impedidos de serem exercidos, nós da A-S atuamos defendo a permanência e exercício do seu direito em ações cíveis , de direito do Consumidor, direito penal, militar, trabalhista e Direito de Família, conte com a equipe de advogados do nosso escritório de advocacia.

Matrimonial & Family Law

Especialidades Judiciais

Trabalhista

Trabalhista

Civil

Civil

Penal

Penal

Vídeos De Direito YouTube

 

Evitando 5 erros antes de contratar um Advogado

ADVOGADOS OAB E ESCRITÓRIOS DE ADVOCACIA

Você precisa entender que contratar um advogado é um processo intensivo que exige que você investir tempo e dinheiro para garantir que você possa contratar o certo para você. Os advogados podem ajudá-lo a ganhar ou a perder um caso legal que é mais importante para você. Se esta é sua primeira vez que contrata um advogado, aqui estão os cinco maiores erros que você deve evitar ao contratar um.

Antes de tudo, não vale nem falar sobre erro nesse caso, aí é regra básica, qualquer escritório de advocacia ou profissional advogado para atuar em seu processo e lhe defender legalmente na esfere jurídica deve ser inscrito na OAB, você pode sempre pesquisar aqui: OAB Inscritos

1 – Pensar que todos os advogados são iguais
O equívoco mais comum das pessoas é que, quando você contrata um advogado, é isso. Você precisa saber que existe uma grande variedade de advogados que você pode escolher. Certifique-se de contratar aquele que se especializa no campo que você precisa. Por exemplo, se você está lidando com questões sobre o contrato de terra, com certeza, um advogado de divórcio não pode ajudá-lo, e mesmo que, eles o façam, você terá chances reduzidas de ganhar o caso. Também não é aconselhável contratar advogados gerais. Escolha aquele que tenha experiência no campo para garantir que você possa aproveitar ao máximo seus serviços profissionais.

2 – Não verificar todas as taxas incluídas do contrato
Ninguém jamais quis surpresas desagradáveis, especialmente quando envolve acusações ocultas e coisas do gênero. É o pior sentimento de ser traído, então certifique-se de que você verifique todas as taxas antes do tempo. Seja antecipado com o seu advogado e pergunte se há taxas mais escondidas ou possíveis que você vai pagar ao longo do processo para evitar ficar surpreso. Mas não se preocupe, porque ao se educar, você saberá se o advogado está cobrando alta e executar ações adequadas pertinentes a suas faltas, mesmo que ele ganhe o caso para você.

3 – Ser levado pelas suas emoções
Nunca se deixe levar por suas emoções, especialmente quando se trata de advogados. Este é o erro mais comum de pessoas que estão lutando com seu casamento e quer contratar um advogado de divórcio. Isso não significa necessariamente que, quando seu advogado apoie você, você deve contratá-los no local. Existe uma grande diferença entre experiência e suporte. E não, você não precisa escolher entre os dois porque um advogado profissional tem essas duas qualidades.

Segundo o Dr. Joás, advogado no Rio de Janeiro, a questão não só emocional mas todo o arcabouço da forma de apresentação do advogado, aparência, roupa, escritório etc, fazem pessoas contratarem os serviços de advocacia com profissionais sem conhecimento da matéria na qual será ventilada o processo jurídico, razão pela qual deve-se sempre verificar a experiência anterior dos advogados bem como as causas em que atuou

4 – Ignorar o compromisso de tempo
Certifique-se de que você não ignora o compromisso de tempo quando se trata de seu advogado porque a contratação de um advogado que não pode atender às suas reuniões fará com que suas necessidades legais sofram. Escolha um advogado que não esteja muito ocupado e possa fornecer tempo adequado para discutir questões em seus assuntos legais. Se você sentir que é uma opção para eles, é aconselhável procurar outro advogado que possa ajudá-lo.

5 – Contratar o primeiro advogado para encontrar
Como o que mencionamos acima, você vai investir tempo e dinheiro na contratação de advogados. Portanto, você não deve contratar o primeiro advogado que você vai falar. Referências, pesquisas adequadas e múltiplas consultas irão levá-lo ao advogado certo. Fale com eles de preferência pessoalmente e certifique-se de que eles compreendem completamente suas necessidades e situações antes de contratá-los.

Agora que você conhece os maiores erros quando se trata de contratar um advogado, certifique-se de evitá-lo o máximo possível. Dessa forma, você também pode evitar que desperdice milhares de pessoas no longo prazo e assegure-se de fechar o caso que você está lidando a seu favor.

 

Advocacia Administrativa – Art. 321, CP

Os Segredos Da Advocacia Trabalhista

Escritório De Advocacia: Dicas De Decoração

Thayná Bitencourt – Advogado (Lyric Vídeo)

Entenda O Seu Processo Judicial Contra O INSS

Posicionamento Na Advocacia